Previsão do tempo
max. 30 | min. 25
Chuvas esparsas
Cotação
Dolar R$ 4,97
Euro R$ 5,38

Previsão do tempo

max. 30 °C

min. 25 °C

Chuvas esparsas

Carga pesada na mulherada!

Já falei e repito que não sou feminista (nada contra, apenas não acredito em nenhum extremo)… mas tem coisa que não dá para aceitar sem compartilhar com você.


Mulher esse post só é pra vc se não for obrigada a nada, caso contrário nem precisa ler… Às vezes sinto como se nós mulheres tivéssemos atoladas numa carga pesada demais… Tenho visto uma sociedade que redefine padrões e se adapta a novas eras e transformações mundiais, pandemia… se reinventa… mas alguns conceitos machistas não mudam.

Nos exigem excelente formação escolar com honras e méritos para ganhar menores salários exercendo as mesmas atividades que um homem, somos substituídas por homens menos qualificados, como aconteceu comigo na área técnica em aprovação para processo seletivo interno, conforme própria informação do RH, por medo que eu, solteira na época, resolvesse formar família, engravidar e tirar licença abandonando toda equipe…

Somos fadadas a casar e ter filhos, somos comparadas e ainda jogadas contra parede quando decidimos permanecer solteira e sem filhos (vejo muitos casos e aconteceu comigo, antes de engravidar “velha” aos 28 anos).

Quando “seguimos as regras” tendo casa, marido e filhos, somos abandonadas após nascimento de filhos com necessidades especiais, muitas vezes para o marido produzir nova família propaganda de margarina… levadas a exaustão com a exigente condição de ser mulher, amante, mãe exemplar e profissional renomada, quando na maior parte das vezes ninguém lembra que os papais também moram na mesma casa e têm participação no nascimento e cuidado com as crianças e, que quando eles fazem atividades domésticas não estão ajudando a esposa, e sim fazendo sua obrigação como morador ou pagando alguém para fazer, possibilitando que todos tenham bom desempenho em suas ocupações…

Sem contar que a maioria dos homens demora mais para amadurecer e consequentemente lidar com suas emoções e traumas, mas isso não está na lista de prioridades deles, e claro, se torna uma das maiores causas de falhas na educação da atualidade, já que os pais sem real presença da figura paterna na sua infância, conseguem ser ainda pior para os seus filhos e um ciclo mais difícil ainda de consertar inicia.

Não entendo porque não existe entendimento comum sobre esse conceito tão pesado que carregamos e o que precisa ser feito para acordar a sociedade. Mas como sempre digo, existe um limite primordial chamado respeito! Acompanhem no instagram perfis de homens que já estão compreendendo a postura masculina necessária para um equilíbrio e vamos mudando as mentalidades somando ideias.

Acorda mulherada, alguns homens estão acordando… Já fez o que precisa ser feito para não ceder hoje, se não for a sua vontade? Essa não é questão de igualdade e sim de valorização.

OBRIGADA A TODAS A MULHERES QUE CONHECI, a INSPIRAÇÃO PARA ESSE CONTEÚDO VEIO DE CADA UMA DE VOCÊS.


Compartilhar

Comentários

Neide Gonzaga Mantovani

21 de Jul 2021 - 11h44

Você foi curva em sua definição. Temos grandes responsabilidades em uma exigente sociedade, e falta anos luz de encorajamento e empoderamento da mulher. Parabéns Joana.

Deixe seu comentário

Notícias relacionadas

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Desenvolvido com ❤️ e ☕ por Julimar Jr.