Previsão do tempo
max. 28 | min. 24
Chuvas esparsas
Cotação
Dolar R$ 4,99
Euro R$ 5,35

Previsão do tempo

max. 28 °C

min. 24 °C

Chuvas esparsas

Tornozelo: cuidados com articulação

O tornozelo é uma das articulações mais delicadas do corpo


O tornozelo é uma das articulações mais delicadas do corpo, responsável por conectar os pés às pernas. São compostos por ossos, tendões, cartilagens, ligamentos e músculos, é comum ter dores nos tornozelos por inúmeros motivos. É uma articulação importantíssima para o movimento e a sustentação do corpo.

Durante o movimento de caminhar, essa articulação auxilia o pé a se mover e incentiva o movimento da perna. Essa é uma articulação em forma de dobradiça e permite movimentos no plano sagital.

O tornozelo permite principalmente a flexão plantar e a dorsiflexão do pé. A articulação subtalar e os outros ossos do tarso criam muitas articulações sinérgicas, permitindo uma grande amplitude de movimento.

Os estabilizadores dinâmicos são constituídos pelos tendões dos músculos que atravessam a articulação do tornozelo. Os laterais dinâmicos são os tendões dos fibulares, e os mediais, os tendões do tibial posterior e flexores dos dedos.– flexão plantar, dorsiflexão, eversão, inversão, abdução e adução.

O tornozelo junto com todas essas estruturas são responsáveis pela propulsão, equilíbrio e apoio do peso do corpo através de muitas atividades, tais como, andar, correr, pular e com certeza a mobilidade de tornozelo é importante para o desenvolvimento de uma marcha adequada, para a realização de bons padrões de movimento dos membros inferiores e consequentemente levando boa estabilidade de joelhos e quadril.

O tratamento fisioterapêutico nas lesões do tornozelo vai promover efeitos muito positivos na funcionalidade do paciente devido à recuperação dos movimentos, alívio das dores, mobilização e sustentação de carga no membro afetado.

Nós fisioterapeutas preconizamos inicialmente recursos analgésicos e anti-inflamatórios e evoluímos com mobilizações, fortalecimento muscular de todo o membro inferior e exercícios proprioceptivos para devolver a estabilidade passiva e ativa do tornozelo.

FreePik

Compartilhar

Comentários

Nenhum comentário

Deixe seu comentário

Notícias relacionadas

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Desenvolvido com ❤️ e ☕ por Julimar Jr.