Previsão do tempo
max. 30 | min. 25
Chuvas esparsas
Cotação
Dolar R$ 4,98
Euro R$ 5,40

Previsão do tempo

max. 30 °C

min. 25 °C

Chuvas esparsas

Caos por imprudência

Estratégia de motoristas prejudica tráfego e aumenta risco de acidentes.


Não é de hoje que motoristas reclamam de problemas de tráfego parado na Rodovia Cônego Domenico Rangoni, no trecho próximo a alça de acesso à Anchieta, sentido Cubatão-Praia Grande.

A região passou por reformulação completa há alguns anos, substituindo o ANTIGO TREVO do km 55 da Via Anchieta, que congestionava o trecho, por um COMPLEXO VIÁRIO, alterando a descida da Anchieta e criando novo trajeto para quem vai sentido Praia Grande, Santos, Polo Industrial de Cubatão, Guarujá e litoral norte.

Mas o que motoristas “imprudentes” vêm fazendo está anulando completamente a obra: Eles têm estacionado de maneira indevida quase todos os dias, por volta das 17:00h, esperando a Anchieta liberar sentido São Paulo, travando por cerca de 1 (uma) hora todo o trânsito de quem vem do Polo Industrial de Cubatão.

Foto colaborador: 12/05/2021 às 17:20h

Antes eles ficavam apenas no acostamento, o que já torna o trajeto perigoso, mas, agora eles ficam parados também na rodovia. Não bastasse o transtorno e o risco de acidentes que aumenta devido a quantidade de veículos de grande porte parados de maneira inadequada, a estratégia acaba afetando o complexo viário inteiro que fica parado em todos os sentidos.

Foto colaborador: 12/05/2021 às 17:51h

Só quem trafega pela região sabe que travar próximo da alça de acesso da Anchieta, causa um efeito cascata, que impede quem vem de Santos e São Paulo, acessar o Polo Industrial de Cubatão, inutilizando completamente o Anel Viário de interligação entre as rodovias Anchieta, Cônego Domênico Rangoni e Padre Manoel da Nóbrega.

Foto colaborador: 12/05/2021 às 17:56h

O Trânsito só flui quando alguma viatura da polícia rodoviária intervêm, obrigando os motoristas a liberarem a rodovia. O transtorno até normalizar, somado às condições climáticas e riscos de acidentes, transforma um curto trajeto em um caos generalizado, e poucos conseguem entender o que está acontecendo. O telefone da concessionária é 0800 0 197878 e serve para reclamações e para comunicação de ocorrências.

Foto colaborador: 12/05/2021 às 17:59h

A estimativa inicial de aumento da capacidade do tráfego em até 100%, com a obra milionária, está comprometida pela ação de poucos, sem contar o risco de acidentes que já é alto naquela região.

IMAGEM ANTES DA OBRA

Foto do antigo TREVO do km 55 da Via Anchieta

IMAGEM DEPOIS DA OBRA

Foto do Anel Viário Engenheiro Luiz Antonio Veiga Mesquita

Com custo aproximado de R$ 328 milhões, o Anel Viário Engenheiro Luiz Antonio Veiga Mesquita, formado por seis viadutos e com extensão total de 2,8 quilômetros, permite que cada um dos 16 movimentos, entre acessos e retornos, ocorra de forma ordenada, sem qualquer interferência de um sobre o outro, como ocorria na estrutura antiga. O anel integra ainda uma faixa operacional na Padre Manoel da Nóbrega, entre os entroncamentos da Anchieta e da Rodovia dos Imigrantes.

https://www.ecovias.com.br/noticias/obras/ecovias-entrega-anel-viario-de-cubatao-e-faixas-adicionais-da-conego-domenico-rangoni-185253


Compartilhar

Comentários

Nenhum comentário

Deixe seu comentário

Notícias relacionadas

Utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.
Desenvolvido com ❤️ e ☕ por Julimar Jr.